sábado, 6 de outubro de 2012

O lado feio de lolita

Há pouco tempo atrás publiquei esse post sobre como proceder se você for postada em um site de ódio. Como havia observado no final dele, gostaria de escrever meu próprio artigo a respeito. Fiquei muito feliz que algumas pessoas manisfestaram interesse, então aqui está ele :)

Quero já deixar vocês avisados que será um post longo (eu evito alimentar os trolls, por isso é raro eu ficar comentando, mas já que é pra falar...). Também se preparem para alguns pôneis no post 8D EDIT: Se as gifs não estiverem funcionando aí, abram em outra aba >:

Imagino que para muitas pessoas deve ser chocante saber que lolitas, essas criaturas com sapatos de boneca, laços e babados, tenham sites destinados ao ódio. Críticas ácidas, rumores e boatos, body-shaming e slut-shaming, passando por racismo, homofobia e coisas desse nível são frequentes nesse tipo de sites e, gostando ou não, eles existem. Sempre que um some outro aparece, então não creio que vão desaparecer tão cedo.


A primeira coisa que eu gostaria de dizer é que acho normal as pessoas criticarem umas às outras. Que atire a primeira pedra quem nunca comentou com uma amiga algo sobre a aparência de outra pessoa, seja ela lolita ou não, mesmo que sem intenção de ofender. Algo do tipo "Acho que aquela saia não ficou muito boa" ou "O que é aquilo no cabelo dela?" podem ser comentários inocentes, mas você provavelmente tem um ou dois bons motivos para cochichar com uma amiga ao invés de gritar pra pessoa ouvir, certo? Você provavelmente não quer ferir os sentimentos da pessoa a troco de nada, nem que pensem que você é grosseira. Admiro sinceramente as pessoas que conseguem guardar para si suas opiniões negativas, pelo menos quando elas não tem nada a acrescentar, mas comentar todos comentam, e eu sinceramente não acho isso feio nem bonito, apenas normal. Há quem ache que comentar pelas costas e ser simpática na cara da pessoa é falsidade, mas eu chamo de educação (obviamente depende do teor dos comentários... se você fala que a pessoa é uma ita horrorosa e que você a odeia e depois chega toda amiguinha falando como ela é linda é falsidade mesmo).

Mas tem esses sites de ódio. Eles querem que as pessoas saibam o que falam delas. Eles querem que a pessoa fique incomodada, seja para que ela tome alguma atitude a respeito seja para magoá-la gratuitamente. Se é para a pessoa mudar alguma coisa acho que na maioria das vezes poderiam oferecer sugestões e críticas construtivas sem ter que recorrer ao anonimato, então receio que na maioria das vezes seja apenas pelo prazer de ser cruel mesmo.

Mas e aí, o que fazer? Chegar chutando todo mundo? Se defender abertamente? Reclamar onde você puder? Na minha opinião, nenhuma dessas coisas. Eu sei que é difícil, mas desde cedo eu ouço falar que a melhor maneira de responder às provocações é simplesmente não responder. Sei que nem sempre é o caso, mas nesse posso dizer que é.


"Por que alguém perderia tempo falando mal dos outros?" alguns podem perguntar. Alguns responderiam que é pura inveja, outros que é falta de louça pra lavar. Inveja pode se aplicar em alguns casos, sim, mas acho que assumir que sempre se trata disso é meio quinta série. Pode ser sim que a pessoa inveje a fama de algumas lolitas, a admiração que os outros tem por ela ou até os amigos que tem. Na maioria das vezes as pessoas estão convictas de que a pessoa não merece toda a atenção que recebe. Ok, pode ser inveja, mas pode ser que a pessoa genuinamente não goste de você. E por quê alguém não gostaria? Ora, as pessoas tem seus próprios motivos, não cabe a mim adivinhar. Pode ser que você não tenha sido muito educada com ela alguma vez, pode ser que ela simplesmente não goste dos seus outfits ou uma implicância boba qualquer. De minha parte, acho que as pessoas não são obrigadas a gostar de ninguém e tem todo o direito de desgostar uma das outras. Porém isso não deveria dar a elas o direito de sair atacando gratuitamente, inventando coisas a respeito de alguém ou qualquer coisa assim.

Pode ser que a pessoa não tenha nada melhor pra fazer mesmo, tenha uma vida de tédio e tenha tido a infeliz ideia de passar o tempo falando mal de pessoas que ela sequer conhece. Pode ser que a pessoa não tenha uma auto-estima lá das mais altas e se sinta um pouco menos miserável rebaixando os outros. Eu poderia ficar aqui especulando por vários parágrafos sobre o por quê de as pessoas fazerem o que fazem, mas uma coisa eu posso dizer com certeza: tenho pena delas. Não digo isso pra dar uma de superior, eu realmente sinto. Uma pessoa que se dedica mais às coisas que odeia do que às que ama não pode ser uma pessoa feliz. Elas provavelmente não tem uma família bem estruturada, amigos sinceros ou alguém que sempre esteja lá pra elas, é bem triste se você for pensar a respeito. (Mas meninas, não se sintam obrigadas a vestir a carapuça e argumentar sobre o quanto vocês são felizes e as pessoas merecem tudo o que vocês falam delas, tá? Não precisam se dar ao trabalho.)


Se eu frequento esses sites? Não posso dizer que não olhe de vez em quando. Me avisam quando falam de mim e eu geralmente quero saber o que está acontecendo, mas sempre que falam de alguém que eu gosto sinto muita vontade de comentar e só passo raiva, realmente não vale a pena. Confesso que era ativa na Treta Lolita do orkut, comentava sempre. Não, isso não é legal, mas não posso fazer um post desses de cima de um pedestal como se eu fosse ungida e abençoada, né? Desculpa quem não sabia e por ventura se decepcionou comigo ao saber disso, mas pelo menos é passado e eu dava a cara a tapa, não ficava me escondendo atrás de anonimato e nunca me dei ao trabalho de fazer uma única treta. Não me venham com a besteira de que sendo anônimo o que vale é o argumento e não quem fala, tá? xD Se até vocês sabem que não dariam crédito se soubessem quem são o que os faz pensar que a opinião de um anônimo tem mais peso?

Claro que já recebi ataques, tive algumas threads, e algumas tretas mais antigamente, mas eu não sou dessas pessoas que ficam mal com isso, saem xingando ou reclamando no facebook. Não fico feliz também né, tem que ser meio doente pra realmente curtir esse tipo de atenção, mas não é o fim do mundo. Fico bem mais incomodada quando falam mal de quem eu gosto do que de mim (e quando inventam histórias. Sério, acho que eu tenho defeitos o bastante pra vocês comentarem sem ter que inventar, não? Então.)


Mas então, eu já falei ali em cima que o melhor jeito de responder às provocações é não responder, mas às vezes a gente não se aguenta, né? Algumas pessoas ficam até mais bravas quando mexem com alguém que gostam e admiram (como é o meu caso) e vestem a armadura de white knight. Sinceramente? Se você acha que vale a pena discutir com essas pessoas, DO IT. Eu me sinto muito bem fazendo isso pelas pessoas que eu gosto, mesmo que às vezes pareça não dar em nada e as pessoas insistam em agir como retardadas. Algumas pessoas não ligam para o que falam delas e não precisam ser defendidas, mas é bom ver que alguém se deu ao trabalho de tomar seu partido ou desmentiu alguma fofoca dita sobre você (já fizeram isso por mim e acredito saber quem foi em uma das vezes. Muito obrigada :3)

Você tem o direito de se defender também, mas na minha opinião saber que as coisas que dizem não é verdade é o bastante. Se inventarem boatos e alguém acreditar tem duas pessoas erradas: a que inventa e a que acredita. Se você não deu motivos pra falarem não tem por quê se preocupar. E se alguém é tapado o bastante pra acreditar, idem. Confesso que ficaria chateada se alguma pessoa que considero amiga se afastasse de mim por acreditar em alguma fofoca, mas não ficaria arrasada porque sei que se a pessoa chegou a acreditar ela não era realmente minha amiga. E não preciso nem comentar sobre "amigos" que se fazem de amigos pela frente e te esculacham pelas costas, né? Não merecem nem sua raiva.

Se você realmente se sente tão mal com esse tipo de coisa, meu conselho é um só: NÃO PROCURE. O que os olhos não vêem o coração não sente. Se você tem alguma amiga sem noção que curte te falar que alguém tá falando mal de você (às vezes ela simplesmente quer que você não fique na ignorância, pode nem ser pra te deixar pra baixo), explique como você se sente a respeito e diga que gostaria de se manter o mais longe possível desse tipo de coisa. Se ela for sua amiga, deve resolver.

Por fim, acho que a melhor coisa que você pode fazer para "dar o troco" é continuar fazendo você mesma feliz, sem se importar com o que vão falar. Não desista do que você gosta porque algum desocupado se incomoda com isso. Não pense em abandonar um estilo com tanta coisa e gente legal por causa de um grupinho (afinal, acho que é algo que a gente começou por nós mesmas, não pra agradar gente aleatória, né?), você é melhor do que isso.



Vocês já passaram por algo do tipo ou tem alguma amiga querida que tenha passado? Fiquem a vontade para dividirem suas histórias nos comentários ♥

62 comentários:

  1. Adorei essa postagem, 15! Admito que gosto muito de ver postagens originais suas :3

    Eu nunca fui postada em nenhum site do tipo (mas também sou bem pouco conhecida XDDDD), mas uma amiga minha já foi e eu fui lá e a defendi ^^ No fim era algo muitíssimo-íssimo idiota: colocaram uma imagem dela de lolita a la mode, dizendo que ela tinha tentado fazer um casual lolita. Senti um certo orgulho em ver que matei o tópico, porque quando falei que a "garota da imagem" tinha postado no "Daily a la mode" do fórum, ficou bem claro que não se tinha mais o que dizer XD

    Acho que mais importante do que agradar a essas anônimas deve-se ter preocupação em agradar a si mesma. Ainda mais que, assim, não são poucas as lolis que precisam lidar com a não-aceitação de pessoas de quem gostam (como, por exemplo, pai, namorado, mãe, etc). Creio que, perto disso, é fichinha lidar com besteiras ditas por pessoas que nem se sabe quem são.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu acho que cheguei a ver essa thread, as pessoas nem sabem o que estão postando e acabam passando por ridículas u_u' Bem feito.

      "não são poucas as lolis que precisam lidar com a não-aceitação de pessoas de quem gostam (...) perto disso, é fichinha lidar com besteiras ditas por pessoas que nem se sabe quem são."
      EXATAMENTE. Ainda se fosse opinião de alguém que importa pra gente poderíamos levar em consideração ou até ficar magoadas, mas por causa de um povo que nem sabe quem eu sou direito? lol no.

      Excluir
  2. Eu AINDA não montei nenhum outfit lolita justamente por isso, me incomoda bastante. Tudo bem que já aconteceu coisa parecida e nem do meio eu sou lol, mas enfim. Quem sabe eu não crio coragem (e deixo essa besteira pra lá) ainda esse ano?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, manda se fuder \o/ huaheuaheuahue
      Você ficaria linda de lolita <33

      Excluir
    2. Kuen , Cria sim..... pois eu tinha só uma saia, um bolero, algumas meias e fiz um casual....XD
      E nem liguei..;)
      Faça sempre o que te deixe feliz e coloque fones de ouvidos!;)

      Excluir
  3. Eu sou novata, e assim todo mundo ficava me julgando falando umas besteiras pra mim que eu não servia pra ser lolita, e assim isso me maguou muito até pensei em desistir, só que ai eu pensei se eu desistir vou mostrar que sou fraca e que qualquer coisa me faz desistir dos meus sonhos, então eu não desisti, eu me magou muito facilmente por que eu nunca tive carinho de ninguem assim desde pequena eu sou sozinha então eu me machuco muito facilmente. E todas as lolitas que hoje ja sao lolitas '' formadas '' já foram novatas um dia, então pra que ficar falando mer*** pras novatas.
    Eu continuo lendo sobre lolitas estudando, e um dia eu vou ser tao boa quanto você Ichigo melhor que nunca vou ser por que você é perfeita mais estou tentando me tornar apenas uma parte do que você é.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. * melhor e que nunca vou ser

      Excluir
    2. Não dê ouvidos a essas pessoas u_u No fundo elas devem querer fazer algo diferente e não tem coragem, aí tentam desestimular você :/
      E nem sou perfeita, não >: Mas obrigada pelo carinho e tal :3

      Excluir
    3. Anonima não desista naum!
      Tmb pensei em desistir , mas tem lolitas muito fofas que me disseram "se vc é ama o estilo, então siga em frente e seja feliz"...E sempre penso nisso qndo escuto uma critica grosseira..
      Flor se vc "ama" esta estilo, coloque um fone de ouvido e seja feliz flor!!
      Pq nesse mundo sempre terão pessoas que te deixarão no chão, mas erga a cabeça e mostre que será melhor!
      Meu filho é escoteiro e o lema dele é "Melhor possivel", acho lindo isso!E a gente sempre tem que pensar assim...;)

      Olha q quem fala é um pessoa pessimista, negativista, com auto estima baixa e super sensivel..XD Mas todo dia a acordo eu penso" vou fazer o melhor e colocar fone nos ouvidos"....;)

      Bjos flor!

      Excluir
  4. NOSSA LENDO SEU POST E ACHEI LINDO O QUE ESCREVEU!
    Já defendi meus filhos no forum para irem num metting(até expliquei dando informações,mas fui muito criticada grosseiramente) e fui chamada de "lolita parideira" no arrozal...Para orientar quem não sabe, pq existem mães lolitas, coloquei uma matéria muito legal no facebook no "Moda Lolita" sobre o assunto para as desinformadas e se tornou um bafafa...Mas meu intuito foi de somente informar,pois gostaria que acabassem mettings fechados, mas foi em vão...u.u
    O bom disso que nos outros grupos/comunidades que participo as mamys ficaram felizes em saber eo pessoal aprovou bastante, pois foi uma informação legal.

    Tmb defendi a Miku Chan tadinha, pois na maior boa intensão fez um vlog sobre lolitas e as lolis massacraram a coitada.Ai vesti minha armadura e falei algo pra chamar a atenção, pois fariam pensar e deu certo, pois começaram a postar criticas mais construtivas e ajudando a menina


    Seu post me mostrou que o melhor eh fazer que não está nem ai, pois assim isso passa...
    Mas se é pra defender quem a gente gosta, isso fale a pena...;)
    Além que com isso fez eu ter amigas loli no facebook...


    Thanks Ichigo! =*****

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, eu cheguei a ver isso! Sinceramente, entendo que as meninas queiram que os meetings sejam encontros entre amigos e não de família (acho que tem hora pra tudo), mas o assunto tomou proporções exageradas.

      Não sei quem é Miku-chan '-'

      De nada ^^

      Excluir
    2. Eu vi parte do que aconteceu com você no fórum, achei legal que você tenha expressado seu ponto de vista, mas achei que foi um pouco demais (tempestade em copo d'água) :/
      Não me leve a mal, eu não sei se aconteceram coisas fora aquilo, mas foi a impressão que deu.
      Só não deixe de repensar no que falou e voltar atrás se achar necessário. ^-^

      Excluir
    3. Elá esta no facebook...;) Tmb eh novata.

      https://www.facebook.com/july.junqueira.5

      Excluir
    4. Realmente não conheço, mas acho que quando se é novata aprende-se antes de querer sair ensinando sobre o estilo '-' Vejo muito disso por aí.

      Excluir
    5. Mih eh q acabei me tornando um leoa qndo se referem aos meus filhotes e realmente depois de tudo , repensando e mais calma...hihihihi percebi que exagerei mesmo :X

      Pois negocio foi saindo desenfreado e a base foi esquecida..Que era deixar os Mettings sempre abertos...O dono(a) do evento se informar de todas nas possibilidades, eu mesmo faço isso antes de ir á qualquer lugar. Verifico lugar antes, vejo vários fatores (sempre pergunto ate o ultimo dia do evento XD), pra sim eu ir com minha familia ou amigos e naum entrar numa fria,ter desentendimentos futuros ou aborrecimentos dos participantes..Essa era a mensagem..;)

      Mas tudo bem, hihihihihi Pois percebi que tmb deveria ter pegado mais leve...XD Espero que elas tenham percebido tmb..;)

      Kisus flor!

      Excluir
    6. Ichigo .Eh q ela falou q juntou muito material sobre o assunto,resolveu mostrar e não guardar só pra ela.
      Eh q as meninas lolis mais falaram da forma que foi feito o video, do que propriamente da matéria em si.E foram maldosas na forma de falar.Por isso eu falei.E assim elas foram mais educadas e deram criticas construtivas as a matéria em si. ;)Até achei interessante as criticas construtivas pois ateh aprendi...XD

      kisus

      Excluir
    7. Ah, entendi. Compartilhar é sempre bom, e receber críticas construtivas (sabendo lidar com elas) também ajuda muito.

      Excluir
    8. Nossa, ela apareceu na minha timeline agora, que mancada, tinha ela adicionada e nem sabia das coisas D:

      Excluir
  5. Eu realmente fui/sou treteira e essa postagem me abriu os olhos para muitas coisas! Se todos seguissem os seus conselhos não haveria tantas divergências. Não posso negar que já critiquei internamente muitas meninas que hoje eu admiro. E me orgulho muito de não ter exposto minha opinião na época que muitas das vezes era apenas um pré julgamento da minha parte!
    Criei uma filosofia de procurar o melhor de todo mundo e com isso eu percebi quantas pessoas tem características fantásticas! Isso pode ser difícil quando não vai com a cara da pessoa, mas não é impossível.
    Ichigo obrigada pelo post! É uma questão tão simples, mas tão importante!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu já critiquei/tive preconceito contra pessoas que hoje eu admiro também. Me arrependo disso e passei a tentar conhecer melhor as pessoas antes de falar qualquer coisa.
      "Sempre procurar o melhor de todo mundo" é uma bela filosofia :) Eu estou tentando trazer mais pra minha vida o "love and tolerate".

      Excluir
  6. Nossa ! Eu nem sabia que tinham sites de ódio criados por lolitas.Eu já tive muito costume de julgar também,mas nunca fiz nada para deixar a outra pessoa triste ou humilhá-la.Acho isso muito horrível.Ainda bem que nunca vi nenhum site desses,e nem pretendo vê-los.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então, julgar é normal. Jogar isso na cara das pessoas para que se sintam mal não.
      Continue assim então :3

      Excluir
  7. Não serei hipócrita de dizer que não gosto dos sites de ódio. Acompanhava a treta, o Magali e acompanho o arrozal, embora agora só olhe as vezes. Mas no fundo, além do barraco, acho muito interessante ver o que as pessoas acham de verdade ou o que elas falam achando que são anônimas. No fim, pode ser uma amiguinha falando mal, alguém com inveja ou a própria pessoa procurando seus 5 minutos de fama. Querendo ou não, é interessante ver o que as pessoas acham de você mas não te dizem na cara. Eu curto atenção e super curti ver o que tinham pra falar de mim :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O que eu acho mais interessante é aparecer alguém defendendo e as pessoas imediatamente chutarem que é a "vítima" que está postando. A pessoa é TÃO self-centered que jura que a única maneira de alguém discordar é ser a pessoa que está sendo atacada.

      Excluir
    2. Isso dá um belo tema de trabalho de psicologia.

      Excluir
  8. Eu AINDA não montei nenhum outfit lolita justamente por isso +1
    Já vi muitas lolitas iniciantes serem criticadas por usarem algo errado e isso me dá medo. Não sou daquelas que lida bem com críticas, lol.
    Esse tipo de treta tem em todo lugar, fandom, blogs e estilos, é realmente uma pena que as pessoas percam mais tempo falando mal ao invés de procurar as "coisas boas" das outras pessoas. Como você disse, é normal criticar alguém, acho que na maioria das vezes a gente nem faz por maldade, mas fazer disso o propósito da sua vida é pura falta de louça.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Geralmente quando postam na Daily recebem críticas mesmo, mas lá TODAS as meninas são educadas e sempre oferecem dicas úteis (não ficam só apontando os erros). Só que é, postando fotos por aí qualquer um pega e faz o que quiser, ninguém está totalmente a salvo, o negócio é fingir que não existe.

      Excluir
  9. Respostas
    1. oh, thanks <3 tenho uma pasta cheia deles *-*

      Excluir
  10. Eu vou dar um [2] grandão na Alice! Adoro as traduções, mas seus posts originais são excelentes! Parece que consegui te imaginar falando tudo isso em uma conversa, tão claro, confiante e bem argumentado foi o texto!

    Não tenho muito mais a acrescentar! Achei muito legal lembrar sobre o fato de que, muitas vezes, comentamos com outras pessoas sobre o estilo de tal roupa, ou tal corte de cabelo, ou, sei lá que outra coisa assim, não ter ficado bom em alguém, mas, geralmente, na intenção de não expor a pessoa, não ridicularizá-la. Eu não sou obrigada a gostar do que os outros gostam, e vice-versa. Só acho que seria mais interessante e educado que guardássemos ou guardassem os comentários maldosos consigo ou partilhasse de críticas construtivas, sem menosprezar, esculhambar ou querer desestimular! Simples assim! "Ah, e a paz mundial!" - porque, né, ficou meio que discurso de miss Universo o que escrevi!! xDD Mas é verdade e acredito nessas palavras!! ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz que vocês gostem! Eu curto muito escrever, mas nem sempre dá tempo de fazer algo assim (e pior é que a tendência é ter cada vez menos tempo i.i)

      Pois é, muitas vezes não é o que dizemos, mas como dizemos. Aprendi com o erro, mas aprendi, e torço para que as pessoas sejam mais inteligentes a ponto de aprenderem com os erros dos outros e não cometerem os mesmos.

      Excluir
  11. Ah, Ichigo.
    Eu gostei muito desse post. Gostei mesmo.
    Eu não visito sites de ódio e nem pretendo visitar. Eu os considero muito baixos e, com o perdão da palavra, muito escrotos.
    Eu tenho para mim que uma pessoa que se importa o suficiente para ver uma foto, salvá-la no seu HD, depois ter o trabalho de ir para outro site, enviá-lo e pensar em algo ofensivo para dizer só pode ser duas coisas: medíocre intelectualmente e infeliz com a própria vida.
    Cada um veste o que quer, desde que se sinta bem. Todo mundo tem direito de não gostar do que seu semelhante veste, mas isso não te dá o direito de humilhá-la ou ofendê-la por isso.
    Sinceramente, acho que quem sente prazer em falar mal dos outros e ver as outras pessoas mal tem uma vida triste, e ao invés de tentar melhorar, tenta fazer a vida dos outros infeliz.
    Tento sempre me manter longe disso e ter uma vida que considero bonita, sem preconceito nem discriminação. Para mim, se você se sente bonita, então você está bonita e eu não sou ninguém para dizer o contrário.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito tempo livre que as pessoas tem e poderiam estar usando para fazer algo de útil. Invejo essa disponibilidade que elas tem, de verdade xD

      Eu acho que num estilo como lolita em que há certas "regras" é ok as pessoas palpitarem mais, mas logicamente mantendo o respeito e a educação. Chegar chamando uma menina de ita não ajuda em nada, só vai fazer a menina se sentir mal. Mesmo quando for criticar é bom ter algo a acrescentar ao invés de só apontar erros. De qualquer maneira também acredito que o mais importante é a pessoa se sentir bem consigo mesma :)

      Excluir
  12. Ichigo, amei seu post! Me indentifiquei bastante em muitos pontos.

    Mais pra frente quero fazer faculdade de Moda, e quero fazer Cosplay também. Já fui alvo de "críticas", e algumas "fofoquinhas pelas costas" por conta disso (é realmente triste, chorava muito por causa disso, porque quem falava de mim eram justamente as pessoas que eu gostava, e ainda riam de deboche :/), nunca fui postada ou citada em sites assim (ainda bem). Mas aprendi que em meio de "treta" ou "fofoquinha em grupo" você descobre quem é falso ou verdadeiro contigo. Sabe, mesmo que fosse postada ou citada em sites de ódio (ou posts alheios pelo Facebook e redes sociais em geral), por mais que eu tenha um pavio curto, não ligo e até evito esse tipo de coisa. A curiosidade é maior, mas depois esquece. Lógico, não serei hipócrita que já critiquei alguns visuais, Cosplays, outfits Lolitas, etc. que vejo, é normal criticar, porém acho que a ponto de ridicularizar a pessoa é passar dos limites.

    Como muitas falaram, o ideal mesmo é ignorar, ou simplesmente não reagir. Essas pessoas só querem atenção.

    Desculpe se tiver muitos erros (de digitação ou coerência) no meu comentário. Mas achei seu post muito interessante Ichigo, gostei muito mesmo *-*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que horror, eu ficaria triste no seu lugar também ._. Já aconteceu de eu descobrir que uma menina que eu considerava minha amiga ficava mandando coisas ofensivas anonimamente no meu formspring e nas comunidades. Não cheguei a ficar triste, só me senti muito trouxa xD Depois de um tempo soube de algumas merdas que aconteceram com ela e ri sem nem sentir remorso pq né --'

      Não achei erros no comentário (não fiquei procurando avidamente também) huaheuaheua D: Fico feliz com a participação de vocês <3

      Excluir
  13. Adorei seu post... como sempre, você demonstra ter um caráter e tanto, pois são poucas as pessoas que analisariam vários ângulos de um problema, ou mesmo diriam que sim, já se jogaram em uma discussão entre lolis.

    Uma vez (nos tempos de orkut) uma amiga minha me falou sobre esses casos e fui ver meio desacreditada. Confesso que me choquei: comentários de uma maldade extrema, um nível baixíssimo, montagens com fotos alheias e "análises" de outfits com uma língua viperina que só esperava ver em peruas ou piriguetes mesmo.

    Me decepcionei com muito gente, principalmente com quem já conhecia pessoalmente; na maioria dos casos, era com pessoas ou muito tímidas ou novatas(o que seria rebaixar terceiros que não tem muita coragem ou apoio pra se defender) e em peso... com pessoas "famosas". Agora me diga: no última caso, logo o mais numeroso, não é realmente inveja?
    Alguém como você, que vai muito além da print do momento, fala sobre o life style, dá dicas, aponta novidades, cria outfits lindos e fotos melhores ainda, luta pra divulgar o estilo para além dos amantes de cultura nipônica entre tantas coisas... mas insistem em atacar as blogueiras e similares. Vivem usando o argumento de que são metidas e só usam brand, ou quem tem pullips, gostam de J-Rock ou animes e coisas assim... acho o cúmulo! O trabalho lindo que vocês fazem, se não for admirado, merece ao menos respeito!


    Também sou partidária de que é triste quem vive pra envenenar os outros, pois isso quer dizer que não há nada de muito bonito na sua vida pra compartilhar, mas também acho que isso é muito da pessoa. Família e amigos interferem e muito, mas quando você quer ser mal, não há berço ou panelinha que te impeça disso.

    Já em relação a reação, conheço gente que ficou muito mal mesmo, e quem desacreditou do estilo por conta dessas atitudes mesquinhas, então prefiro uma abordagem mais radical: prints, uma delegacia e eles descobrem o ID em dois tempos. Afinal de contas, bullying é crime. Salvo minha vidinha confortável no cute kei, poucas vezes posso dizer que usei um outfit loli completo e confesso que apenas amigas me viram assim porque tenho um certo receio de postar minhas combinações em fóruns. Triste, eu sei, mas é a verdade.



    Parabéns pelo post, ficou incrível! (*--*)//

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Embora eu não me orgulhe, também não vejo sentido em esconder ou fingir que eu nunca fiz parte desse tipo de coisa. É muito feio isso, ainda mais no meio de pessoas que SABEM que você fazia parte.

      Ah, acredito que quando é com pessoas "famosas" pode ser um pouco de inveja e de "indignação" pq geralmente as pessoas acham que a pessoa famosa em questão não merece a fama e admiração que tem. É muito ridículo mesmo se esconderem atrás de argumentos tão falhos (e muitas vezes que nem tem a ver com lolita, como no caso de outros gostos a parte).

      Eu sinceramente não acredito muito nisso de denunciar, duvido que dê resultado se você não for uma Carolina Dieckman da vida :/

      Obrigada! ^^

      Excluir
  14. Esse post lavou a minha alma. Estou totalmente sem palavras. È divino. Eu ressaltaria que a pessoa pode ser como uma fênix, renascer das cinzas e brilhar. Você é julgado e de repente está lá, frequentando altas rodas, sendo amada também, fazendo novas amizades, tendo o carinho das pessoas. Não importa o quão triste ou chato seja a forma como te julgaram, o que importa é quem você é hoje.

    Seu post é muito lindo, adoro ouvir as suas palavras. Se você está falando é por que teve a experiência de ver de perto as pessoas que falam por motivos tão futéis. Claro que tem essa questão de não concordar com aquela saia ou blouse, mas isso é uma questão de gosto pessoal e eu acho que eles devem ser respeitados.

    Simplesmente amei. muito obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já vi isso acontecer algumas vezes! Meninas que eram muito zoadas se tornaram ótimas lolitas e razoavelmente populares (digo razoavelmente pq é mais no grupo local do que na internet, então não é TANTA gente que conhece elas...).

      "o que importa é quem você é hoje" sinceramente acredito isso para os dois lados :) Há pessoas que se envolviam nas tretas e hoje são amorzinho demais. Não tenho como saber se frequentam algum site anônimo, mas prefiro acreditar que não, que melhoraram ^^

      Algumas pessoas mesmo nesses sites falam que nem gente, expondo argumentos razoáveis, tanto que eu nem vejo motivo pra fazerem anonimamente, mas infelizmente são uma minoria.

      Excluir
  15. ótimo post. :) eu não fico rondando muito os sites de treta mas as vezes a gente escuta uns comentários anônimos no blog mesmo, e eu já cheguei a excluir postagens por causa disso. =/ gostei muito do post e acho que você tem toda a razão, se por algum motivo você acha um defeito em alguém ou em alguma coisa que ela fez, é muito mais fácil dizer com educação, para que ela melhore, e não ficar atacando sem motivo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah, pelo menos com isso não tenho problemas D: Só aconteceu umas duas vezes aqui... uma delas foi um post sobre itas em que a menina surtou (devia ser ita... e otaku) e outro foi uma menina que deixou um comentário enorme, acho que nem na intenção de causar treta, só deixando a opinião dela mesmo (capaz de nem ter se dado conta do quão mal educada ela soou :~)

      Então, ninguém está pedindo que as pessoas sejam falsas, só que tenham um pouco mais de noção quando forem comentar ._.

      Excluir
  16. Concordo com tudo o que vc falou. Eu nem sequer sabia como chegar ao arrozal, uma conhecida do meio quem falou que tinham me postado lá e viviam falando de mim. Aí a curiosidade me venceu e fui olhar, e eu morri de rir. Tavam falando das minhas pernas gordas 8D e eu só posso rir pq eu nasci assim, felizmente sei que não posso usar meias 3/4, e acho que coordeno bem pra uma 'gorda', e a única vez que criticaram meus outfits foi uma pessoa que não gostou do jsk que eu estava (o que não dá pra levar em consideração) e outra vez que falaram que minha peruca vermelha era 'de cosplay' e que tinha estragado meu out (aí alguém avisou que meu cabelo é daquela cor 8D). O que isso vai adicionar na minha vida, sério? Se é pra me deixar pra baixo, não fale do que já sei! HAUEHAHEUAHUEHAUHEA
    Esse povo do arrozal só sabe falar das meninas mais antigas na cena/inventar boatos delas e chamar os outros de gorda-feia-preta. E eu já não tô mais na quarta série pra aguentar esse tipo de coisa. Lolita é algo que me faz muito feliz, e não são minhas pernas obesas que vão me fazer desistir disso :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também tenho pernas gordas, toca ae o/
      Faltaram alguns adjetivos, no total acho que seriam gorda-feia-preta-parda-vadia. É lamentável, as pessoas tem uma cabeça muito pequena e não devem conhecer nada muito além do quarto delas.

      Excluir
  17. Muito interessante o post, gostei bastante de suas explanações sobre os motivos de alguém dedicar tanto tempo a falar mal dos outros. E digo mais: no mundo cosplay é igualzinho (infelizmente). Na época em que eu não faltava em nenhum evento, teve uma galera que inventou altas mentiras a meu respeito; desde especulações sobre eu ser 'rica' (devem ter me confundido com a Saori! XD), passando por fofocas sobre eu ser doente (bulímica, ve se pode??), até chegaram a dizer que eu tinha morrido, numa época em que meu pc pifou e passei muito tempo sem net... e foi nessa forçada de barra que eu descobri quem tava espalhando os boatos. Ameacei com processo (já que eu sou rica, né?), a criatura amarelou, apagou o profile fake do orkut e pôs a violinha no saco. Vez ou outra alguém ainda solta alguma idiotice, mas nada tão assustador. Enfim, é um pavor ver as línguas venenosas tremulando ao vento pro lado da gente!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Putz, acho que tem disso em todo lugar. As pessoas não olham pro próprio rabo antes de falar dos outros xD

      Excluir
  18. Meus sentimentos pra esse post: ♥

    Precisei deixar meu comentário dessa vez.
    Nunca mais entrei nos "sites de ódio". Cansei de discutir com gente idiota e ver gente cagando argumento patético pra tentar defender o que disse.
    (Sem contar que quando falam mal de quem eu gosto eu visto a armadura de WK porque me incomoda MUITO ;_;)
    Muito bom mesmo, adorei o post. :3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Parece que acabou (por enquanto), mas é de lascar mesmo, um argumento pior que o outro. Ainda se justificassem com "é só minha opinião" seria menos péssimo, mas tentam a todo custo fazer parecer que é a verdade absoluta :BB

      Excluir
  19. Julgar é normal. Quem nunca julgou a vizinha funkeira que anda semi-nua, que atire a primeira pedra! rsrsrs
    Admito que tem algumas lolis que eu não gosto/suporto, mas prefiro guardar esse sentimento pra mim do que propagar ele às outras pessoas. Não ganharia nada com isso. E também evito procurar qualquer coisas sobre elas, quando não se gosta de algo e ela te tras sentimentos ruins, é melhor evitá-la.
    E também evito criticar, sei como é isso (principalmente pelas bonadas que abominam handmade) e não quero esse mal pra ninguém, por mais que eu não goste da pessoa. Se não tem um comentário contrutivo, e melhor não comentar nada, né?
    O negócio é fazer sempre o que te faz bem e feliz, e ignorar e afastar o que te faz mal! :D

    Amei o post, Ichigo ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, então, tem gente que eu não gosto também, mas fico quieta na minha xingando a pessoa mentalmente ao invés de criar caso :B (rola uns desabafos no twitter, mas acho que nem dá pra chamar de indireta :T)
      Nunca vi ninguém abominando handmade, sinceramente (a menos que seja algo mal feito e superfaturado, aí acho que estão é certas!)

      Excluir
  20. A ichigo disse por todas nós o que queríamos dizer mas,eu como algumas, preferíamos fingir que isso não acontecia e deixar pra lá.
    Eu tentei uma vez entrar naquele famoso site de ódio mais minha net lenta não entrou.
    Me deu muita raiva quando uma amiga/conhecida/ parceira de lolitagens pela net se chorou no fórum por que estavam falando da cor dela, sinceramente desejei o pior pra essa pessoa cruel e MAIS recentemente alguém disse no fórum"cuidado com esses outfits itas,não posso conter os treteiros do chan" eu simplesmente não respondi,a pessoa editou o post com outra coisa...e sabe o que eu concluir? O mesmo que a Ichigo falta do que fazer inveja e aliada a uma falta de surra pra aprender a respeitar os outros e o que eu digo quando falam mal de mim? INVEJA por que eu sou morena, linda de corpo e de rosto(se eu não char,quem vai? kkkkkkkkkkk)que fica 100% feliz com "panos de mesa comprados nas liquidações da BL".
    E como disse a Mari Siqueira (morena linda demais^^)"Vai largar o estilo por que falaram mal de você?Te sento o parasol lolita frouxa".
    As palavras mais lindas do ano "Pode ser que a pessoa não tenha nada melhor pra fazer mesmo, tenha uma vida de tédio e tenha tido a infeliz ideia de passar o tempo falando mal de pessoas que ela sequer conhece. Pode ser que a pessoa não tenha uma auto-estima lá das mais altas e se sinta um pouco menos miserável rebaixando os outros. Eu poderia ficar aqui especulando por vários parágrafos sobre o por quê de as pessoas fazerem o que fazem, mas uma coisa eu posso dizer com certeza: tenho pena delas. ".
    Ichigo Hime
    Parabéns pelo post.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faz tempo que não entro no fórum, então não estou por dentro dessas coisas, mas o melhor de tudo é a pessoa querer alertar como se isso fizesse dela muito boazinha, mas acho isso cretinice D:

      Excluir
  21. "Uma pessoa que se dedica mais às coisas que odeia do que às que ama não pode ser uma pessoa feliz." *coração aquecido* Obrigada!

    ResponderExcluir
  22. Não olho esses sites e deixo claro que não quero que me contem se falam ou algo ou não. Tenho horror a esse tipo de coisa. Falar em privado é normal, sites dedicados a humilhação pública, eu não acho. Ojeriza pura.

    ResponderExcluir
  23. Ja passei por isso quando encontraram fotos antigas de uma amiga minha, no inicio dela em lolita e postaram num grupo de moda lolita, quando ela soube acabou se cortando e não tinha coragem nem para ir olhar os comentarios sobre o post e ir se defender. Então eu,que ja fui colocada em uma treta por causa do meu primeiro outfit e de um comentario que eu havia feito, sabendo como era passar por aquilo fui defender ela. Posso ser mal vista o quanto for, mas por meus amigos eu luto até o fim. Eu tambem penso coisas quando vejo uma ita, coisas ruins obviamente, mas não me acho no direito de julgar ninguem. ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, que horror x_x As pessoas realmente deveriam pensar nas consequências daquilo que dizem. Eu ia odiar saber que fui responsável por algo como o que sua amiga acabou fazendo '-'

      Excluir
    2. Pois é, as pessoas acabam não pensando antes de fazer certas coisas.

      Excluir
  24. Uma amiga me contou sobre esses acontecimentos. Por esse tipo de coisa eu fico preocupada de ir em meetings ou eventos, apesar de ter vontade de encontrar outras lolitas. Em geral eu mostro minhas roupas só para minhas amigas lolitas - que infelizmente moram longe - porque sei que elas farão criticas construtivas e com a intenção de me ajudar.
    Não tenho dinheiro para comprar brand - assim como boa parte das lolitas - e sei que nunca vou ter esse tipo de dinheiro, é a vida, né? Mas nem por isso vou deixar de amar a moda lolita e me virar como posso. Faço minhas próprias roupas (aprendi a costurar por causa de moda lolita, acho que só por isso já foi uma coisa muito boa e que valeu a pena, né?) e economizo para comprar da taobao ou da BL, ou de alguma loja que tenha coisas lolitáveis. Ainda tenho poucas peças, mas estou montando aos poucos um armário de gothic, que é minha sub-categoria preferida, seguindo as instruções do blog f.yeah lolita.
    Em geral, não vou ligar para o julgamento dos outros (como falaram aí em cima, só no dia que pagarem minha roupas haha) até porque nunca dá para agradar todo mundo, né? mas sofri bullying no colégio (já faz tempo e às vezes eu lembro e me sinto muito péssima), inclusive colocaram minhas fotos (tiradas sem minha autorização) em um blog "de gente feia" e seria horrível se isso acontecesse de novo.
    Eu realmente espero que essas coisas não afastem meninas novas de se aventurarem na moda lolita, até porque eu acharia bom se virasse modinha e encontrasse coisas lolitáveis em todo lugar. xD Acho também que essas coisas deixam um clima ruim nas comunidades. Se algumas panelinhas acham que todas as outras pessoas são "itas", por que elas simplesmente não fazem meetings privados, formam o próprio grupo e ignoram as demais?

    ResponderExcluir
  25. Nossa... amei seu post.. Eu me preocupo mais com o que as pessoas que eu gosto falam do que com pessoas que nem conheço.. Tenho 32 anos, sou casada, e comecei o estilo ano passado.. Comecei "tarde" porque não tinha dinheiro, e como a minha mãe deixa bem claro até hoje, não era um estilo que ela me ajudaria a patrocinar.. O dia que fiquei mais magoada, foi o dia em que ela me falou que queria que as filhas dela fossem todas "normais" e não "estranhas".. Além de lolita, sou nerd, faço o curso de Tecnólogo em Redes de Computadores, e coleciono um universo Hello Kitty e bonecos de Saint Seiya (Cavaleiros do Zodíaco)..
    Eu acho deprimente gente que ao invés de dar uma ajuda, principalmente para as novatas, ficam criando memes com fotos das gurias e taxando tudo de Ita... Todo mundo já foi novata, ninguém é perfeito, todo mundo já achou que algo era lolita e não era...
    As lolitas já sofrem preconceito ao extremo de pessoas "normais", deveriam ser mais unidas.. mas o ser humano tem um desejo incontrolável pela competição.. Tem que ser melhor que alguém, mesmo que seja as custas de subjugar os outros... Eu tenho nojo de gente assim...
    Quando vejo algo que sei que tá errado eu dou um toque, falo que não combinou, explico o que sei (que é muito pouco), digo para postar como "a la mode", enfim... AJUDO.. e não ridicularizo...
    Eu sempre penso que quanto mais lolitas melhor, menos gente achando isso estranho ou anormal, mais gente pra conhecer, mais amizades, um mundo mais rosa...
    Eu acredito que se ainda assim não quiser ajudar... Se você se acha perfeita, ignore quem não é... e deixe em paz...

    ResponderExcluir